Prefeito de Campinas é o 2º pior avaliado entre gestores das 10 maiores cidades de SP

Publicado por: MikeN
15/09/2023 04:49 PM
Exibições: 83
Cortesia Editorial Unsplash
Cortesia Editorial Unsplash

Levantamento do Instituto Paraná Pesquisas mostra que Dário Saadi (Republicanos) só perde para o prefeito de Guarulhos, Gustavo Henric Costa, o Guti (PSD); Campinas-SP tem o segundo maior orçamento do estado, com R$ 9,1 bilhões previstos para 2023

 

O prefeito de Campinas-SP, o médico Dário Saadi (Republicanos), é o segundo pior avaliado entre os gestores das 10 maiores cidades do estado de São Paulo. É o que revela um levantamento divulgado nessa 5ª feira (14/9) pelo Instituto Paraná Pesquisas. O estudo avaliou o desempenho dos mandatários dos maiores municípios paulistas, sob a ótica dos eleitores. O atual chefe do Poder Executivo de Campinas é reprovado por 43,6% dos entrevistados.

 

O levantamento ouviu entre 712 e 1.096 eleitores, por cidade pesquisada. A margem de erro varia de 3 a 3,7 pontos percentuais, para mais ou para menos. Saadi só não fica atrás de Gustavo Henric Costa, o Guti (PSD), que amarga a última colocação em aprovação, de acordo com a Paraná Pesquisas. Em seu segundo mandato como prefeito de Guarulhos-SP, Guti aparece como o pior gestor das 10 maiores cidades do estado, com 56,5% de reprovação por parte dos eleitores.

 

Saadi também supera o índice de insatisfação do eleitorado de Ribeirão Preto-SP, que tem à frente o prefeito Duarte Nogueira (PSDB). O tucano tem 40,1% de reprovação, segundo o levantamento.

 

Na avaliação do deputado estadual Rafa Zimbaldi (Cidadania-SP), que tem berço eleitoral em Campinas, a atual gestão da Prefeitura vem se demonstrando incapaz de conduzir o potencial econômico e social da cidade, o que justificaria a insatisfação da população com quem conduz a máquina, no caso, Saadi:

 

“A falta de atenção do atual prefeito com o município e com a população está refletida nesta pesquisa. Na prática, vemos obras de infraestrutura inacabadas, e o cidadão sem a merecida atenção nos hospitais. A limpeza pública é de péssima qualidade, além de haver aumento significativo de pessoas em situação de rua e uma insegurança que justifica esse índice de reprovação”, lamenta o deputado.

 

Entre os prefeitos das 10 maiores cidades do estado, o melhor avaliado, de acordo com o Instituto Paraná, é Paulo Serra (PSDB), de Santo André-SP. O tucano tem 80,1% de aprovação dos andreenses, seguido de Rogério Lins (Podemos), prefeito de Osasco-SP, com 79,1% de aprovação:

 

“Não recebo estes números de Campinas com satisfação. Pelo contrário. Recebo com tristeza e preocupação. Não é razoável que um prefeito, em primeiro mandato, com bom orçamento em caixa e estrutura, tenha uma avaliação tão negativa. O que mais lamento é saber que este resultado tem ligação direta com a forma como o campineiro está sendo tratado quando procura por serviços municipais. É com insatisfação que ele opina sobre o que acha da gestão do atual prefeito”.

Com informações da Assesoria

Vídeos da notícia

Imagens da notícia

Tags:

Mais vídeos relacionados